Quem somos
|
Arquivo
|
Anuncie
|
Contato
|
Sua página inicial


início
prêmios
lavras tem
agenda
busca


Post Publicitário /


Publicada em: 24/03/2014 07:43 - Atualizada em: 25/03/2014 13:51
(Informe) O pré-natal em cadelas e gatas
Dra. Isabela Coelho, médica veterinária e proprietária do Pelos & Patas Centro de Estética e Saúde Animal, orienta sobre a importância do pré-natal em cadelas e gatas

Dra. Isabela Coelho, médica veterinária. Foto: Jornal de Lavras

 

Informe Publicitário

A ocorrência de atendimentos relacionados a problemas da gestação vem crescendo nas clínicas veterinárias. Em geral, são cruzamentos não programados entre animais doentes, com parentesco entre si e porte  desproporcional. 

O pré natal veterinário é essencial, pois através dele podemos calcular a data do parto, saber o número de filhotes, se o tamanho deles permite um parto natural ou se uma cesariana pré programada será necessária.

A gestação em cadelas e gatas dura em torno de 58 a 64 dias, mas os cuidados com a mãe e a ninhada devem começar bem antes. Caso contrário, problemas na hora do nascimento podem levar a cirurgias emergenciais ou até a morte, tanto dos fetos quanto da genitora. 

Os cuidados iniciam na atualização da desverminação e vacinas da fêmea antes mesmo do cio. Em seguida, a escolha do macho deve seguir critérios como boa saúde geral, tamanho compatível com a fêmea, ausência de parentesco entre eles e não ser portador de nenhuma doença /anomalia hereditária, para garantir filhotes sadios e bem formados. 

Somente cadelas e gatas sadias e a partir do segundo ou terceiro cio podem ser colocadas para reprodução. Geralmente as cadelas entram no cio de 6 em 6 meses, com duração de 15 dias, onde o período fértil ocorre a partir do décimo dia, e em gatas o cio ocorre de 4 em 4 meses, também com duração de 15 dias, porém a ovulação é induzida pela cópula com o macho.

Assim que ocorre a cópula, deve-se confirmar a gestação. O exame de ultrassom é realizado a partir do 21º dia após o acasalamento, e nos fornece a confirmação da viabilidade dos fetos, exclui doenças do útero como a infecção uterina e gestação psicológica e nos dá uma previsão da data do parto. 

A contagem dos fetos também é importante, pois dá certeza quanto ao número de nascimentos. Deve ser feito um raio X a partir dos 50 dias de gestação. 

O médico veterinário deve avaliar a nutrição oferecida para a gestante, e se alguma suplementação será necessária, garantindo força para o parto. 

O trabalho de parto pode durar até 12 horas, sendo que o intervalo máximo entre os nascimentos de um feto e outro é de 2 horas. Do contrário, é preciso recorrer ao médico veterinário para avaliação e possível intervenção cirúrgica.

Como vimos, o pré natal traz tranquilidade e programação, tanto para o dono quanto para o profissional que o acompanha. Não deixe para a última hora o que pode ser decisivo para a vida de seus animais. O nascimento de novas vidas é um momento de extrema alegria para todos, e nada pode atrapalhar isso!

Para mais informações, clique aqui e acesse a página Lavras Tem do Pelos & Patas no Jornal de Lavras.

Voltar Envie para um amigo


 www.jornaldelavras.com.br - A informação a um click de você
Lavras/MG
WhatsApp: (35) 9 9925-5481
Instagram: @jornaldelavras 
Twitter: twitter.com/jlavras 
Facebook: www.facebook.com/jornaldelavras