Quem somos
|
Arquivo
|
Anuncie
|
Contato
|
Sua página inicial


início
prêmios
lavras tem
agenda
busca


polícia / Golpe /


Publicada em: 06/03/2013 22:23 - Atualizada em: 07/03/2013 13:02
Polícia Civil investiga "venda de coisa alheia" no valor de R$ 54.500 mil ocorrida em Lavras
Homem perde R$ 54.500 para suposto golpista que lhe vendeu imóvel que não era de sua propriedade

Delegado Lucas Romão, responsável pelo caso do suposto golpe da venda de imóvel inexistente. Foto: Jornal de Lavras

 

Siga-nos no Twitter: @jlavras

Um homem foi preso ontem acusado de alugar imóveis usando documentos falsos, ele morava em Lavras há anos utilizando documentos falsos. Também ontem, outro homem foi preso acusado de vender terreno e receber dinheiro por lotes que não existiam, ou melhor: existiam, mas não era dele.

Francisco de Paula Vitor Conceição, de 25 anos, natural de Lavras, é suspeito de ter aplicado um golpe num homem de 47 anos. Francisco teria feito uma transação imobiliária, onde recebeu no total R$ 54.500 mil, divididos em diversas quantias. Quantia estas que foram levantadas através de vendas de alguns objetos, dinheiro emprestado com amigos, parentes e empréstimos em banco.

Um dos amigos da vítima, que havia emprestado a ela R$ 5 mil, que foram entregues na forma de dois cheques, desconfiou da demora da finalização da transação. O amigo conversou com a vítima e os dois marcaram um encontro com Francisco, também acionaram a polícia.

Francisco foi flagrado pela polícia e contou sua versão: segundo ele, o imóvel não era seu, era de seu pai. Questionado onde seria o imóvel Francisco disse que não sabia o nome da rua, disse que ele já havia sido vendido, mas que tinha a intenção de devolver o dinheiro a vítima tão logo tivesse condições. Francisco foi ouvido pelo delegado Lucas Romão, ele deverá ser processado.

 

Envie para um amigo
Voltar


                                                               Quer saber? www.jornaldelavras.com.br
                                                                  A informação a um click de você

                                                                    Acompanhe o Jornal de Lavras no Twitter: twitter.com/jlavras  

                                                                  E também pelo Facebook: www.facebook.com/jornaldelavras