Quem somos
|
Arquivo
|
Anuncie
|
Contato
|
Sua página inicial


início
prêmios
lavras tem
agenda
busca


polícia / Golpe /


Publicada em: 10/11/2012 11:08 - Atualizada em: 10/11/2012 18:35
Empresário de Lavras perde mais de R$ 12 mil em golpe do cartão clonado
Cartões podem ser clonados mesmo sem que eles sejam usados, eles podem ser copiados através de dados fornecidos pelos proprietários.

Foto ilustrativa

 

Siga-nos no Twitter: @jlavras

Um empresário de Lavras, quando foi usar um de seus cartões de crédito, descobriu que ele estava bloqueado. Preocupado, ele tentou usar outro e teve a mesma surpresa, imediatamente o empresário procurou o banco e descobriu que seus cartões haviam sido clonados e foram feitas movimentações superiores a R$ 12 mil.

Os cartões foram cancelados e ele procurou na noite de ontem a Polícia Militar para a elaboração de um boletim de ocorrência, agora ele terá um longo caminho a percorrer para poder "limpar" seu nome.

Como ele é proprietário de uma empresa conceituada em toda Minas Gerais e premiada por setores importantes da área governamental, terá que resolver imediatamente sua situação.

As pessoas precisam ficar atentas porque apesar de trazerem mais segurança, os cartões podem ser clonados à distância. Além da clonagem copiando fisicamente o cartão, os golpistas estão praticando o chamado fishing. Mesmo sem ter acesso direto ao cartão, eles roubam dados que permitem fazer compras pela internet.

A Associação Brasileira de Cartões de Crédito e Serviços (Abecs) informou que, apesar de toda tecnologia envolvida, tem sido mais fácil clonar remotamente os cartões com chip. Muitas pessoas caem no golpe ao passar informações por telefone.

 

Voltar Envie para um amigo


 www.jornaldelavras.com.br - A informação a um click de você
Lavras/MG
WhatsApp: (35) 9 9925-5481
Instagram: @jornaldelavras 
Twitter: twitter.com/jlavras 
Facebook: www.facebook.com/jornaldelavras