Quem somos
|
Arquivo
|
Anuncie
|
Contato
|
Sua página inicial


início
prêmios
lavras tem
agenda
busca


polícia / Furto e Roubo /


Publicada em: 20/06/2012 21:03 - Atualizada em: 21/06/2012 09:15
Polícia Federal prende na região, envolvidos com roubo de dinamite em São Thomé das Letras
Dinamite roubada em São Thomé das Letras foi encontrada em Três Corações pela Polícia Federal em poder de integrantes de facção criminosa de São Paulo.

         

             Dinamites. Foto ilustrativa extraída do jornal Correio do Sul

 

Siga-nos no Twitter: @jlavras

A Polícia Federal prendeu na manhã de ontem, terça-feira, dia 19, na cidade de Três Corações, três homens, eles são suspeitos de fazerem parte de uma quadrilha de arrombadores de caixas eletrônicos em Minas Gerais. Com eles os federais apreenderam 191 bananas de dinamites que foram roubadas de uma pedreira em São Thomé das Letras no dia 27 de maio.

Um porta-voz da Polícia Federal disse que as investigações apontam que os explosivos seriam usados em assaltos em caixas eletrônicos de estabelecimentos bancários em Minas Gerais. Os presos vão responder por crime de posse ilegal de artefato explosivo, que tem como pena de três a seis anos de prisão e multa. Eles devem responder também pelo crime de receptação, cuja pena varia de um a quatro anos de prisão e multa.

Os federais prenderam Dinatan Jacinto Siqueira, de 21 anos, natural de Conceição Aparecida (MG), desocupado e morador em Três Corações; Marco Túlio Jacinto de Siqueira, 21 anos, desocupado, natural e morador de Três Corações; e Weslei Augusto, de 22 anos, natural e morador em Três Corações.

A prisão de Marco Túlio e Dinatan foi efetuada na BR-381, rodovia Fernão Dias. Os agentes da Polícia Federal abordaram uma motocicleta que era conduzida por Marco Túlio, que carregava na carona Dinatan Jacinto. Com o caroneiro Dinatan os agentes federais apreenderão 40 bananas de dinamite e R$ 434. Os dois jovens foram presos a caminho de Belo Horizonte. O terceiro foi surpreendido pelos policiais no porão de uma casa, onde morava com a mãe no bairro Cafezinho, em Três Corações.

Dinatan contou aos federais que havia mais 151 bananas de dinamite enterradas num buraco de um terreno do bairro Cafezinho, em Três Corações, além da dinamite havia cordéis detonantes e estopins. Segundo o delegado da Polícia Federal, João Carlos Girotto, os três envolvidos fazem parte de uma facção criminosa de São Paulo.

Leia também sobre o furto das dinamites em São Thomé das Letras noticiado pelo Jornal de Lavras:

 

Voltar Envie para um amigo


 www.jornaldelavras.com.br - A informação a um click de você
Lavras/MG
WhatsApp: (35) 9 9925-5481
Instagram: @jornaldelavras 
Twitter: twitter.com/jlavras 
Facebook: www.facebook.com/jornaldelavras