Quem somos
|
Arquivo
|
Anuncie
|
Contato
|
Sua página inicial


início
prêmios
lavras tem
agenda
busca


destaque /


Publicada em: 09/07/2020 23:05 - Atualizada em: 10/07/2020 07:52
Lavras tem fragmentos da história da Revolução de 9 de julho de 1932
Por causa da Revolução Constitucionalista de 9 de julho de 1932, Benedito Valadares transferiu o 8º Batalhão de Caçadores Mineiros de Belo Horizonte para Lavras

Getúlio Vargas com voluntários que lutaram na Revolução Constitucionalista de 1932. Foto: Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (ALESP) 

 

  Jornal de Lavras:  (35) 9 9925.5481    @jornaldelavras     @jornaldelavras    @jlavras    

Hoje, 9 de julho, é feriado em São Paulo. Há 88 anos aquele estado enfrentou a ditadura de Getúlio Vargas e sem sombra de dúvida foi um dos fatos mais marcantes da história daquele estado e da história republicana brasileira. Os paulistas estavam insatisfeitos com a Revolução de 1930, que foi o movimento armado, liderado pelos estados de Minas Gerais, Paraíba e Rio Grande do Sul, que culminou com o golpe de Estado que depôs o presidente da República Washington Luís, isso foi em 24 de outubro de 1930 e impediu a posse do presidente eleito Júlio Prestes e pôs fim à República Velha.

A Revolução de 1930 foi mais que isso, ela colocou fim às articulações políticas entre as oligarquias regionais no Brasil, que sempre estavam acima dos interesses particulares aos interesses da Nação e do povo. O principal protagonista da Revolução de 1930 foi o gaúcho Getúlio Dornelles Vargas, que na época, governava o estado do Rio Grande do Sul. 

A situação ficou insustentável quando Vargas nomeou Pedro de Toledo para a interventoria paulista, os paulistas foram para as ruas se manifestarem e a morte de quatro estudantes em um confronto com as forças legais acabou por apresentar ao cenário político o ingrediente que faltava: os paulistas tinham então 4 mártires, Mário Martins de Almeida, Euclides Miragaia, Dráusio Marcondes de Souza e Antônio Camargo de Andrade. Suas iniciais Miragaia, Martins, Dráusio e Camargo, tornaram-se senha de uma sociedade secreta MMDC, que articulava a derrubada de Vargas (foto abaixo).

Em 9 de julho de 1932 deflagrou-se então a Revolução Constitucionalista, sob a liderança do general Isidoro Dias Lopes, com a participação de vários remanescentes do movimento de 1930, como os militares Bertoldo Klinger e Euclides Figueiredo, a revolução contou com amplo apoio dos mais diversos segmentos das camadas médias paulistas.

Em Minas Gerais, o interventor Benedito Valadares apoiou Vargas e os mineiros foram à luta contra os irmãos paulistas. Lavras teve ativa participação na Revolução constitucionalista de 1932, destacamos alguns fatos que fazem parte das efemérides da cidade:

11/07/1932

Assume o comando do 8º Batalhão de Caçadores Mineiros o coronel Fulgêncio de Souza Santos, herói tombado no setor do Túnel em Passa Quatro por uma bala inimiga, no dia 13 de julho do mesmo ano.

13/07/1932

Com a morte do coronel Fulgêncio, assume o comando do 8º Batalhão o tenente coronel José Persilva. 

11/ 08/1932

A Filial da Cruz Vermelha Brasileira instala um banco de sangue e um hospital de campanha para socorrer os feridos dos combates da Revolução de 32, onde atendeu 461 pessoas e trabalhavam 27 profissionais, entre médicos e enfermeiras.

20/05/1933

O secretário Carlos Prates, comunica através do ofício 12.433, que a Secretaria de Estado dos Negócios do Interior, liberou a quantia de 325 mil réis em favor da firma Botelho & Cia. Ltda., de Lavras, pelo aluguel de um caminhão marca "Rugby" que foi requisitado pelo Governo do Estado durante a Revolução de 9 de Julho, para transporte de tropas, armamentos, feridos e suprimentos para os soldados.

28/02/1934

Pelo decreto 11.238 o interventor federal Benedito Valadares Ribeiro, deu por sede do 8º Batalhão de Caçadores Mineiros, que era em Belo Horizonte, a cidade de Lavras. Em 21 de março chegava a Lavras o primeiro contingente que compunha esse batalhão, instalando-se definitivamente e foi célula do nosso 8º Batalhão de Polícia Militar de Minas Gerais.

21/03/1934

Chega a Lavras e se estabelece em definitivo o 8º Batalhão de Caçadores Mineiros, hoje 8º Batalhão de Polícia Militar de Minas Gerais, sendo seu primeiro comandante o tenente coronel José Persilva. O efetivo do batalhão girava em torno de 300 homens, sendo sua maioria casados.

30/07/1934

Celebrada na matriz de Sant'Anna uma missa solene em memória do coronel Fulgêncio de Souza Santos e seus intrépidos companheiros mortos no setor do "Túnel", em Passa Quatro, na revolução de 1932.

23/10/1936 

Transladado para Belo Horizonte os restos mortais dos soldados tombados durante a Revolução de 1932 e que estavam depositados em 22 urnas guardadas dentro da igreja do Rosário.

Neste dia foi decretado feriado municipal e uma missa solene foi celebrada pelo descanso das almas dos soldados mineiros mortos em combate na serra da Mantiqueira.

Um cortejo foi preparado para levar as urnas até a Estação da Oeste, com um acompanhamento de várias autoridades e os estabelecimentos de ensino de Lavras se fizeram representar em toda a cerimônia fúnebre. Foi um dia de muita comoção em Lavras.

Clique AQUI e comente no facebook do Jornal de Lavras

 
www.jornaldelavras.com.br
A informação a um click de você
#jornaldelavras Eduardo Cicarelli Sabrina Cicareli

Leia também:

Resgate de vítima de acidente na BR-265 mobilizou bombeiros de Lavras e São João del-Rei - veja fotos Corpo de Bombeiros de Lavras debelou o incêndio na Serra da Bocaina
   
Caminhão carregado com dinamite cai em rio no Sul de Minas e motorista morre - veja vídeo Fiocruz avalia que volta as aulas em Minas colocará em risco mais de 1 milhão de pessoas
   
Grupo de Fotógrafos Amadores de Lavras registrou passagem do cometa Neowise - veja fotos Manifestação pró-Bolsonaro em Lavras tem outdoors de apoio
   
Empresária denunciada pela Prefeitura de Lavras deixou o presídio de Elói Mendes para cumprir prisão domiciliar Diretório Municipal do PT manifesta sobre eleição em Lavras
.

Flashes de Notícias

.  

Blog Sabrina Cicareli:

Decoração da minha Kitnet Tudo de Bom no Os Mais Influentes Revista Elitte 2019
   
Tudo de Bom no Destaque Sales Pesquisa Lavras 2019 Série Viajadamente no Chile - Parte 7 - Valle Nevado
   
Série Viajadamente no Chile - Parte 6 - Tour em Santiago Série Viajadamente no Chile - Parte 5 - Tour em Santiago
   
Série Viajadamente no Chile - Parte 4 - Tour em Santiago Série Viajadamente no Chile - Parte 3 - Tour em Santiago
   
Série Viajadamente no Chile - Parte 2 - Tour em Santiago Série Viajadamente no Chile - Parte 1 - Tour por Santiago
   

.

Voltar Envie para um amigo


 www.jornaldelavras.com.br - A informação a um click de você
Lavras/MG
WhatsApp: (35) 9 9925-5481
Instagram: @jornaldelavras 
Twitter: twitter.com/jlavras 
Facebook: www.facebook.com/jornaldelavras