Quem somos
|
Arquivo
|
Anuncie
|
Contato
|
Sua página inicial


início
prêmios
lavras tem
agenda
busca


cotidiano / Trabalho /


Publicada em: 25/01/2020 20:25 - Atualizada em: 26/01/2020 21:44
Em dezembro, as 6 maiores cidades do Sul de Minas fecharam no vermelho na geração de empregos
Dezembro foi um mês negativo na geração de empregos, mas no acumulado do ano, três estão no azul e três no vermelho

Imagem ilustrativa do MTb

 

  Jornal de Lavras:  (35) 9 9925.5481    @jornaldelavras     @jornaldelavras    @jlavras    

O Ministério do Trabalho e Emprego (MTb), divulgou ontem, sexta-feira, dia 24, o última evolução de empregos do Caged (Cadastro Geral de Emprego e Desemprego) de 2019. O desempenho de dezembro não foi favorável, o Brasil fechou dezembro com um saldo negativo de -307.311, Minas Gerais também fechou dezembro no negativo: -35.888 empregos.

Porém, no ano, o país fechou com saldo positivo de 644.079 empregos formais. No Brasil no ano passado as cinco regiões fecharam o ano com saldo positivo. O melhor resultado absoluto foi o da Região Sudeste, com a criação de 318,2 mil vagas. Na Região Sul, houve abertura de 143,2 mil postos; no Nordeste, 76,5 mil; no Centro-Oeste, 73,4 mil; e no Norte, 32,5 mil.

O estado de Minas Gerais também fechou o ano no azul na geração e empregos, em 2019 Minas gerou 97.720 empregos formais. Em Minas Gerais, em todo o ano passado, o setor de serviços liderou a geração de vagas de emprego, com 55.213 oportunidades, seguido pela construção civil (19.021), o comércio (12.842) e a indústria de transformação (9.842).

Na indústria extrativa mineral houve a criação de apenas 2.413 vagas, enquanto o segmento da agropecuária, extrativa vegetal, caça e pesca ficou com um saldo negativo de 2.525 vagas.

Das seis maiores cidades do Sul de Minas, Poços de Caldas, Pouso Alegre, Varginha, Passos, Lavras e Itajubá, todas fecharam o mês de dezembro no vermelho. Poços de Caldas, a maior cidade do Sul do Estado, fechou dezembro com saldo negativo de -290 empregos; Pouso Alegre, a cidade que mais cresce entre as seis maiores, fechou dezembro com -363 empregos; Varginha com -68; Passos com -394 empregos; Lavras com -118 empregos e Itajubá, com -179 empregos formais.

Mas em todo ano de 2019, o Brasil fechou com saldo positivo, foram empregados em todo o país 644.079, o saldo positivo também ocorreu em Minas Gerais, com 97.720 empregos formais. Nas seis maiores cidades do Sul de Minas, Poços de Caldas fechou o ano com saldo positivo de 700 empregos; Pouso Alegre foi a que mais gerou empregos no Sul de Minas, em 2019 foram 2.411 empregos formais; Varginha também fechou no azul com 663; Já as cidades de Passos, Lavras e Itajubá, fechou 2019 no vermelho. Em Passos o prejuízo foi de 283 desempregados; Lavras com um saldo negativo de 85, e Itajubá, com 265.

No ano passado em Lavras, a indústria de transformação e o comércio foram os que mais desempregaram, a indústria fechou 2019 com saldo negativo de -301 empregos, já o comércio, com -79 empregos formais. Na contramão os que mais geraram empregos em Lavras no ano passado e que fecharam 2019 no azul foram: setor de serviço, com saldo positivo de 250 empregos e construção civil, com 96 contratados.
Uma pesquisa realizada em dezembro, pela consultoria Falconi mostrou que 80% dos empresários brasileiros têm expectativas positivas para a economia brasileira em 2020, mas quando se fala na geração de emprego, apenas metade acredita no crescimento da geração de novas vagas.

 

Clique AQUI e comente no facebook do Jornal de Lavras

 
www.jornaldelavras.com.br
A informação a um click de você
#jornaldelavras Eduardo Cicarelli Sabrina Cicareli

Leia também:

Homicídio em Lavras: rapaz morre a pauladas no bairro Nossa Senhora de Lourdes Furto em escola pública de Lavras: PM prendeu um dos ladrões e recuperou os objetos
   
Criminosos armados assaltam casa lotérica em Lavras - veja vídeo PM prende ladrões de gado na cidade de Perdões; animais eram vendidos em Lavras
   
Caixa amplia horário de atendimento das agências para saque de auxílio emergencial Bolsonaro nomeia João Chrysostomo de Resende Júnior como reitor da Ufla
.

Flashes de Notícias:

Jovem de 33 anos falece com suspeita de coronavírus em Lavras Mais um caso de coronavírus confirmado em Lavras
   
Primeiro caso de coronavírus confirmado em Lavras Falecimento de idosa que estava com suspeita de coronavírus em Lavras
.  

Blog Sabrina Cicareli:

Tudo de Bom no Destaque Sales Pesquisa Lavras 2019 Série Viajadamente no Chile - Parte 7 - Valle Nevado
   
Série Viajadamente no Chile - Parte 6 - Tour em Santiago Série Viajadamente no Chile - Parte 5 - Tour em Santiago
   
Série Viajadamente no Chile - Parte 4 - Tour em Santiago Série Viajadamente no Chile - Parte 3 - Tour em Santiago
   
Série Viajadamente no Chile - Parte 2 - Tour em Santiago Série Viajadamente no Chile - Parte 1 - Tour por Santiago
   

.

Voltar Envie para um amigo


 www.jornaldelavras.com.br - A informação a um click de você
Lavras/MG
WhatsApp: (35) 9 9925-5481
Instagram: @jornaldelavras 
Twitter: twitter.com/jlavras 
Facebook: www.facebook.com/jornaldelavras