Quem somos
|
Arquivo
|
Anuncie
|
Contato
|
Sua página inicial


início
prêmios
lavras tem
agenda
busca


cotidiano / Comportamento /


Publicada em: 28/09/2019 14:00 - Atualizada em: 29/09/2019 13:06
Surdo tira sua CNH em Lavras na semana do Dia Nacional do Surdo
Esta semana foi comemorado em todo o Brasil o Dia Nacional do Surdo e, um dia antes, um surdo de Lavras obteve esta conquista

Professor das aulas teóricas Everson, José Vitor de Melo Juliati e Alexandre Penna, instrutor da autoescola 

 

  Jornal de Lavras:  (35) 9 9925.5481    @jornaldelavras     @jornaldelavras    @jlavras    

O lavrense José Vitor de Melo Juliati foi o primeiro surdo de Lavras a conseguir tirar sua Carteira Nacional de Habilitação (CNH), na categoria B, porém, para conseguir seu intento, José Vitor galgou um longo caminho que teve início há 3 anos, em 2016, quando encontrou uma barreira: a linguística, isso porque como surdo, o português é sua segunda língua, pois sua língua oficial é a Libra (Língua Brasileira de Sinais).

O que seria o fim para muita gente, José Vitor encarou tudo como um grande desafio e começou seu processo para conseguir sua CNH em uma autoescola, a Evolução, e contou com o importante apoio do instrutor Alexandre Penna. Ele fez as aulas de legislação, depois disso, fez várias tentativas na realização do exame teórico de legislação, porém, como era realizado somente em Língua Portuguesa, que é a sua segunda língua, não conseguia passar.

Este ano, José Vitor contou com uma ajuda muito especial, a de sua mãe, Crisvânia Aparecida de Melo, que interpretou todas a aulas de legislação para ele. O professor ministrava as aulas e a mãe de José Vitor fazia a tradução simultânea em Libra, como nas redes de televisão, onde uma intérprete transmite aos telespectadores com deficiências auditivas.

Em julho deste ano, no dia 30, José Vitor realizou seu exame, porém, em Belo Horizonte, em vídeo aulas em Libras. Ele passou e se tornou o primeiro surdo de Minas Gerais a realizar este exame em Libras.

No dia 25 deste mês, José Vitor Juliati conseguiu tirar sua carteira de habilitação na categoria B, após uma luta de três anos. Assim, ele foi o primeiro surdo a conseguir sua carteira de habilitação na categoria B em Lavras. Vale lembrar que uma lavrense com deficiência auditiva já havia conseguido, porém, existe uma diferença: a deficiência auditiva consiste na perda parcial ou total da capacidade de detectar sons, já a surdez é diferente, a pessoa considerada surda é aquela que tem total ausência da audição, ou seja, que não ouve absolutamente nada. Neste sentido, todo surdo é deficiente auditivo, mas nem todo deficiente auditivo é surdo. 

Na última quinta-feira, dia 26 de setembro, foi comemorado em todo o Brasil o "Dia Nacional do Surdo", uma data que celebra as conquistas da Comunidade Surda e sua luta pela inclusão na sociedade. Este exemplo demonstra que ele não pode ser somente inserido na sociedade, ele precisa também, ser respeitado em suas especificidades linguísticas.

 
www.jornaldelavras.com.br
A informação a um click de você 
 

Leia também:

Kombi foi destruída por incêndio na Zona Sul de Lavras - veja vídeo Chegou nesta segunda-feira a Lavras, o tomógrafo adquirido pela prefeitura para a UPA
   
(Admite-se) Sest Senat abre inscrições para o processo seletivo Jovem Aprendiz 2021 Carlos Lindomar, que foi candidato a prefeito em Lavras, foi tema de matéria do Fantástico neste domingo
   
Curto-circuito provoca início de incêndio na capela do Colégio de Lourdes, em Lavras Encontrado e identificado o corpo do homem que morreu afogado no rio Grande na quarta-feira
. .
.
 

Voltar Envie para um amigo


 www.jornaldelavras.com.br - A informação a um click de você
Lavras/MG
WhatsApp: (35) 9 9925-5481
Instagram: @jornaldelavras 
Twitter: twitter.com/jlavras 
Facebook: www.facebook.com/jornaldelavras