Quem somos
|
Arquivo
|
Anuncie
|
Contato
|
Sua página inicial


início
prêmios
lavras tem
agenda
busca


cotidiano /


Publicada em: 22/08/2019 13:30 - Atualizada em: 22/08/2019 19:51
Pesquisa realizada na Ufla avalia os benefícios do atletismo para crianças autistas
A pesquisa realizada pelo Departamento de Educação Física da Universidade Federal de Lavras

Foto extraída do site da Ufla

 

  Jornal de Lavras:  (35) 9 9925.5481    @jornaldelavras     @jornaldelavras    @jlavras    

O Núcleo de Estudo, Pesquisa e Extensão em Paradesporto da Universidade Federal de Lavras (Ufla) realiza várias atividades com práticas esportivas para pessoas com deficiência; uma delas é a pesquisa sobre a inserção do Atletismo para crianças com Transtorno do Espectro Autista (TEA). De acordo com Organização Mundial da Saúde (OMS), estima-se que há 70 milhões de pessoas com autismo em todo o mundo, sendo 2 milhões somente no Brasil. Acredita-se que uma em cada 88 crianças apresenta traços de autismo, com prevalência cinco vezes maior em meninos.

A pesquisa realizada pelo Departamento de Educação Física da Universidade Federal de Lavras (DEF/Ufla) teve como objetivo verificar os efeitos da realização de um programa de Atletismo sobre o desenvolvimento do comportamento motor e das habilidades básicas da vida diária de crianças com TEA. As análises foram feitas pelo graduando em Educação Física Rodrigo Pereira da Silva, com a orientação da professora Nathália Maria Resende. Elas foram realizadas durante 12 semanas com crianças diagnosticadas com autismo no município de Lavras.

Foi realizada uma avaliação motora no início e no término das intervenções, com o objetivo de verificar o nível de força, destreza, velocidade, equilíbrio e coordenação das crianças participantes. A avaliação teve um intuito comparativo, para verificar os efeitos da realização do programa de Atletismo sobre o desenvolvimento do comportamento motor de crianças com TEA.

Os pesquisadores explicam que esses testes biomotores respeitam a individualidade de cada criança, que é avaliada separadamente. "Todos os testes tiveram resposta positiva. As crianças que tinham uma autonomia maior apresentaram resultado motor melhor e as crianças que tinham menor autonomia e maior dificuldade para se socializar apresentaram resultados melhores na socialização", explica o estudante Rodrigo Pereira.

O número de diagnósticos de crianças com TEA tem aumentado nos últimos anos e gera discussões mais intensificadas sobre esse transtorno do neurodesenvolvimento, que compromete processos fundamentais de socialização, comunicação e aprendizado. A professora Nathália Resende relata que "o desenvolvimento dessas práticas corporais são ótimas estratégias pedagógicas para aquisição dessas habilidades e diminuição de todo distúrbio provocado por esse transtorno, que interfere na capacidade biomotora dessas crianças". 

As atividades envolveram saltos, corrida, ultrapassagem de obstáculos e manipulação de materiais desenvolvidos com atividades lúdicas para que ocorresse a inclusão de todas as crianças. Por meio do questionário aplicado aos pais, os pesquisadores avaliaram as habilidades básicas da vida diária para saber o nível de autonomia. "A mãe de uma das crianças participantes da pesquisa relatou que seu filho apresentou melhoras significativas após a inserção no projeto, desenvolvendo habilidades básicas, além de conseguir saltar com os dois pés. O desenvolvimento da fala foi a principal realização para ela, pois muitas palavras estão sendo ditas por ele agora", comenta Rodrigo.

Participam deste projeto crianças de até 12 anos incompletos diagnosticadas com Transtorno do Espectro Autista (TEA) e filiadas à Associação Regional para o Desenvolvimento do Cidadão com Transtorno do Espectro Autista (Associação Contato).

Fonte: Ufla

Clique AQUI e comente no facebook do Jornal de Lavras

 
www.jornaldelavras.com.br 
A informação a um click de você
#jornaldelavras Eduardo Cicarelli Sabrina Cicareli

Leia também:

Comerciante de Lavras foi conduzida até a delegacia por vender bebida alcoólica para menores Parecer favorável da CCJ pode resultar em devolução de verbas para o Executivo
   
Dois lavrenses serão agraciados com a Medalha "Juscelino Kubistchek" Homem foi preso acusado de abusar sexualmente de crianças nas dependências do Lavras Tênis Clube
   
Pedestre é atingido no rosto por linha chilena em bairro de Lavras Campus 2 do Unilavras foi inaugurado em Lavras - veja fotos
.

Flashes de Notícias:

Projeto Influencers na Net nas escolas municipais Queijo lavrense premiado no Concurso Mundial de Queijos
   
Briga com facada no Centro de Lavras 1ª Edição do Fest Vai
.  

Blog Sabrina Cicareli:

Série Viajadamente no Peru - Parte 6 - Lima Série Viajadamente no Peru - Parte 5 - Machu Picchu
   
Série Viajadamente no Peru - Parte 4 - Machu Picchu Série Viajadamente no Peru - Parte 3 - Cusco
   
Série Viajadamente no Peru - Parte 2 - Cusco Série Viajadamente no Peru - Parte 1 - Cusco

.

 

Voltar Envie para um amigo


 www.jornaldelavras.com.br - A informação a um click de você
Lavras/MG
WhatsApp: (35) 9 9925-5481
Instagram: @jornaldelavras 
Twitter: twitter.com/jlavras 
Facebook: www.facebook.com/jornaldelavras