Quem somos
|
Arquivo
|
Anuncie
|
Contato
|
Sua página inicial


início
prêmios
lavras tem
agenda
busca


destaque /


Publicada em: 02/08/2019 10:30 - Atualizada em: 02/08/2019 16:13
Há 50 anos uma tragédia abalou o Brasil e deixou Lavras enlutada
Um ônibus da Viação Cometa despencou no viaduto das Almas, em Itabirito, matando 30 pessoas, uma delas, o lavrense Fernando Lima Dias

Fotos históricas

 

  Jornal de Lavras:  (35) 9 9925.5481    @jornaldelavras     @jornaldelavras    @jlavras    

A manhã do dia 2 de agosto de 1969 foi marcada com uma grande tragédia que atingiu Lavras, naquele dia, um ônibus Scania Ciferal da Viação Cometa vindo da cidade do Rio de Janeiro para Belo Horizonte com 35 passageiros caiu do viaduto Vila Rica, conhecido como viaduto das Almas, no km 562, da BR-040, em Itabirito.

O elevado que foi inaugurado em 1957 pelo então presidente Juscelino Kubistchek ficou marcado pelo número elevado de acidentes com mortes. Estreita e construída em curva, aquela estrutura foi local de acidentes que mataram mais de 200 pessoas, segundo registros de ocorrências policiais.

A notícia do maior acidente registrado na história com ônibus da viação Cometa matou também o lavrense Fernando Antônio Lima Dias, presidente da Federação Universitária Mineira de Esportes (Fume), entidade máxima do desporto universitário, a Fume é a organizadora de competições universitárias de esportes em Minas Gerais. Fernando tinha na época 24 anos, ele era filho de José de Carvalho Dias e Yolanda Lima Dias. Em sua homenagem, o ginásio poliesportivo do Lavras Tênis Clube (LTC), inaugurado em 17 de maio de 1985, recebeu o seu nome. 

Famosos da época também perderam a vida no viaduto das Almas, o acidente que matou Fernando também matou os irmãos Claudinê e Márcio da dupla do programa Brasa 4. Outro acidente que também ceifou 14 vidas e também com ônibus da Viação Cometa, aconteceu no dia 13 de setembro de 1967, nele viajava a apresentadora do programa infantil Roda Gigante, da extinta TV Itacolomi, Zélia Marinho. 

O viaduto das Almas, que na época foi construído com o status de obra de arte mais bonita entre os elevados da América do Sul, foi o local escolhido por JK para inaugurar a BR-3, hoje BR-040. Ele foi desativado em outubro de 2010, depois que um novo elevado em linha reta e mais largo e seguro foi construído cerca de 50 metros da antiga estrutura. Ele foi desativado por causa das sucessivas tragédias naquele ponto local e é tido por muitos como "assombrado".

Mesmo depois de desativado, ele voltou ao noticiário em 2011, quando uma mulher foi presa e acusada de participar de uma quadrilha internacional de sequestro de crianças para a retirada de órgãos. A mulher contou que os corpos das crianças eram depois descartados de cima do viaduto das Almas. Bombeiros especializados desceram no local e encontraram apenas roupas e sapatos de crianças, a hipótese é que os corpos foram devorados por animais, por isso, nunca foram encontrados.

Hoje o viaduto das Almas está fechado, ele é usado para treinar socorristas. Ele é aberto aos sábados e domingos com esta finalidade, quando também é visitado por turistas, estudantes de arquitetura e curiosos.

Clique AQUI e comente no facebook do Jornal de Lavras

 
www.jornaldelavras.com.br 
A informação a um click de você
#jornaldelavras Eduardo Cicarelli Sabrina Cicareli

Leia também:

Senador holandês Roel Kuiper ministrará palestra em Lavras Homem que desapareceu entre Lavras e Campo Belo foi encontrado morto
   
MEC desbloqueia 47,2% do orçamento da Ufla contingenciado no início do ano Bancos leiloam mais de 200 imóveis com descontos de até 67%. Tem imóvel em Lavras
   
Alunos de Lavras foram premiados na Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica Músico lavrense integra lista da premiação Focus Brasil Awards Milão
.

Flashes de Notícias:

Descoberta de que jovem assassinada estava grávida - entrevista com a delegada Projeto de regulamentação do serviço de Mototaxista
   
Projeto Influencers na Net nas escolas municipais Queijo lavrense premiado no Concurso Mundial de Queijos
.  

Blog Sabrina Cicareli:

Série Viajadamente no Peru - Parte 6 - Lima Série Viajadamente no Peru - Parte 5 - Machu Picchu
   
Série Viajadamente no Peru - Parte 4 - Machu Picchu Série Viajadamente no Peru - Parte 3 - Cusco
   
Série Viajadamente no Peru - Parte 2 - Cusco Série Viajadamente no Peru - Parte 1 - Cusco

.

Voltar Envie para um amigo


 www.jornaldelavras.com.br - A informação a um click de você
Lavras/MG
WhatsApp: (35) 9 9925-5481
Instagram: @jornaldelavras 
Twitter: twitter.com/jlavras 
Facebook: www.facebook.com/jornaldelavras