Quem somos
|
Arquivo
|
Anuncie
|
Contato
|
Sua página inicial


início
prêmios
lavras tem
agenda
busca


cotidiano / Trabalho /


Publicada em: 11/05/2011 18:01 - Atualizada em: 02/11/2011 11:19
Delegados e Chefes de Departamentos do Sul e Oeste de Minas se reunirão em Lavras amanhã
Profissionais de Segurança Pública, da Polícia Civil, Militar e Corpo de Bombeiros, reivindicam melhores salários. Polícia Civil já está em greve.

     

        Delegado Regional da 1ª Delegacia Regional de Polícia Civil, de Lavras, Cléber Pervidor, que participará da reunião

 

Siga-nos no Twitter: @jlavras

Os policiais militares e bombeiros de Minas Gerais fizeram, na tarde desta quarta-feira, dia 11, uma assembléia para discutir propostas da campanha salarial 2011. Os militares estão reivindicando piso de R$ 4 mil para a categoria e o pagamento do abono compensatório ao bônus de produtividade para os militares da reserva, reformados e pensionistas.

Militares de Lavras e integrantes do Núcleo Regional da União dos Militares de Minas Gerais, com sede em Lavras, também estão na capital mineira participando das negociações com os líderes do movimento. O Núcleo Regional de Lavras tem como diretor o coronel Célio Fonseca Furtado.

Na terça-feira, os policiais civis iniciaram oficialmente a greve. A adesão ao movimento foi menor que a esperada. Segundo balanço divulgado pelo Sindicato Sindicato dos Servidores da Polícia do Estado de Minas Gerais (Sindpol-MG), 75% dos policiais da capital aderiram ao movimento, sendo que a expectativa do sindicato era de 90%.

Em Lavras, a Polícia Civil está trabalhando seguindo a orientação do Sindicato; segundo o delegado regional Cléber Pervidor, a Polícia Civil está operando com 50% de sua capacidade na banca de exames, vistoria de veículos, emplacamentos e os investigadores estão fazendo apenas o flagrante.

Na quinta-feira, dia 12, no saguão do Lavras Apart Hotel será realizada uma reunião com todos os delegados regionais do Sul de Minas e também com os Chefes de Departamentos. Na reunião participarão, além de todos os delegados do Sul de Minas, os da região Central do Estado.

O vice-presidente do sindicato, Antônio Marcos Pereira declarou que aguarda uma decisão dos policiais militares que devem reforçar os protestos contra o Governo do Estado. Segundo Pereira, a expectativa é que os militares também entrem em greve.

"O Governo do Estado usa a idoneidade das polícias Civil e Militar para fazer propaganda, já que temos uma das melhores polícias do Brasil, que sejam pagos salários dignos", ponderou um policial militar da ativa a reportagem do Jornal de Lavras.

Clique aqui e comente esta notícia no Facebook do Jornal de Lavras

Voltar Envie para um amigo


 www.jornaldelavras.com.br - A informação a um click de você
Lavras/MG
WhatsApp: (35) 9 9925-5481
Instagram: @jornaldelavras 
Twitter: twitter.com/jlavras 
Facebook: www.facebook.com/jornaldelavras