Quem somos
|
Arquivo
|
Anuncie
|
Contato
|
Sua página inicial


início
prêmios
lavras tem
agenda
busca


cotidiano / Política /


Publicada em: 03/05/2019 15:26 - Atualizada em: 04/05/2019 11:11
Corte no orçamento das universidades terá reflexo em Lavras
Todos saem perdendo com a redução no orçamento da Ufla: a redução deverá ter reflexo na economia da cidade

Prédio administrativo da Ufla (Foto ilustrativa: Jornal de Lavras)

 

  Jornal de Lavras:  (35) 9 9925.5481    @jornaldelavras     @jornaldelavras    @jlavras    

O governo do presidente Jair Messias Bolsonaro anunciou um corte no orçamento das universidades federais brasileiras, isso afetará a Universidade Federal de Lavras (Ufla) e deverá ter reflexos imediatos na cidade, podendo gerar desempregos, sem considerar o prejuízo futuro na pesquisa.

Vale lembrar que a Ufla é uma das maiores geradoras de emprego em Lavras, no seu setor de terceirizados, sobretudo na construção civil, além de ser uma das maiores "consumidoras" de Lavras.

A Diretoria Executiva da Universidade Federal de Lavras emitiu uma nota que o Jornal de Lavras reproduz na íntegra abaixo:


Bloqueio no orçamento da Ufla é um enorme problema para o ano de 2019

Assim como todas as Universidades e Instituições Federais que tiveram pelo menos 30% de bloqueio nos seus orçamentos de despesas discricionários, a Ufla também foi fortemente afetada

- O orçamento da Ufla aprovado para 2019 na Lei Orçamentária Anual (LOA) foi de R$ 62.326.717,00. O valor refere-se a despesas discricionárias, que englobam custeio e investimentos. Desse montante, o valor que foi bloqueado, em 30/4/2019, foi de R$ 16.299.212,00, o que equivale a 26,15% do orçamento do ano. Esse bloqueio advém do corte de 5,8 bilhões definido em 29/3/2019 para o Ministério da Educação (MEC). Infelizmente, no dia 2/5/2019, tivemos notícia de um novo corte no MEC, no valor de R$ 1,59 bilhões elevando o bloqueio total do MEC para R$ 7,4 bilhões, o que deverá ampliar o valor já bloqueado das Instituições Federais de Ensino Superior.

- Assim, neste momento, como medida emergencial, a Ufla suspendeu todas as ações já em curso e que podem ser adiadas, como: compras; novos empenhos; viagens nacionais e internacionais à serviço, entre outras, até que se tenha um cenário mais claro do que representam os bloque! ios e se há a possibilidade de revertê-los ou não.

- Caso persista o atual bloqueio e não haja outros mais adiante, os recursos disponíveis no orçamento da Ufla permitem que a Universidade siga com as suas atividades previstas até setembro. No momento, a direção executiva estuda vários cenários para a readequação orçamentária. Essa alternativa deve ser feita de forma muito sensata para que não comprometa irremediavelmente as atividades de ensino, pesquisa, extensão e gestão da Instituição. Porém, deve-se ressaltar que a Ufla, por ser uma instituição de pequeno/médio porte, que já trabalha com um orçamento muito enxuto, não dispõe de margens que permitam importantes ajustes. Outra lin! ha prioritária de ação para o reitor é a busca de recursos adiciona! is, como sempre fez, com negociações em Brasília que permitam a liberação de ao menos parte dos valores bloqueados, além de ações que viabilizem a liberação de recursos extra orçamentários, como as emendas de bancada já aprovadas para a Ufla, mas também bloqueadas, e Termos de Execução Descentralizada (TED), para que seja viável a manutenção dos serviços pelo maior prazo possível.

- O bloqueio de recursos, em custeio, alcança despesas como: o fornecimento de materiais para aulas práticas nos mais de 250 laboratórios da Instituição; a compra de materiais de consumo para serviços administrativos; a manutenção dos serviços terceirizados que envolvem trabalhadores de várias categorias! ; os custos com combustível, energia elétrica, telefonia, pagamento de bolsas a estudantes; despesas com restaurante universitário, assistência à saúde e manutenção geral dos quase 300 mil metros quadrados de área construída, acrescendo-se uma área total de 460 hectares no câmpus, além de duas fazendas onde são realizadas pesquisa e extensão, em suporte à pós-graduação. Já o bloqueio em recursos do orçamento de investimento afeta, por exemplo, a compra de equipamentos para laboratórios, cuja demanda é grande, já que a Ufla abriu cursos como Medicina e Engenharias, que demandam novas aquisições, e a Instituição precisa realizar, ainda, aquisições para atender à atualização de seus cursos históricos, de modo a garantir a qualidade pela qual são conhecidos. Os recursos de investimento são também essenciais para obras, ampliações de estruturas físicas, mobiliário, expansão de redes como a de eletricidade e de transmissão de dados e int! ernet, entre outros.

- A missão da Ufla é manter e promover a excelência do ensino, da pesquisa e da extensão, formando profissionais qualificados, produzindo conhecimento científico e tecnológico inovador e disseminando a cultura do conhecimento na sociedade local, na sociedade mineira, no Brasil e no mundo. Ao longo dos últimos anos, a Universidade experimentou crescimento considerável, saindo de 640 vagas para ingresso na graduação para as mais de 2800 ofertadas hoje, colaborando para o acesso de milhares de jovens ao ensino superior e ao mercado de trabalho. A área construída da instituição mais que dobrou a partir de 2012, com mais laboratórios, salas de aula, gabinetes de professores, espaços administrativos e outras áreas importantes para o desenvolvimento ! da missão da Universidade. A Ufla tem também a qualidade de seus trabalhos e de sua gestão reconhecida por diferentes órgãos externos, como TCU, e em rankings nacionais e internacionais, nos quais figura em posição de destaque. Por todos os resultados que vem alcançando, pela contribuição que oferece à sociedade e por todo o potencial que possui para continuar auxiliando no desenvolvimento do País, o compromisso da direção executiva é com a busca constante para que os recursos sejam assegurados e as atividades sejam mantidas na Instituição.

Diretoria Executiva da Ufla

Clique AQUI e comente no facebook do Jornal de Lavras

 
www.jornaldelavras.com.br
A informação a um click de você
#jornaldelavras Eduardo Cicarelli Sabrina Cicareli

Leia também:

Homicídio em Lavras: rapaz morre a pauladas no bairro Nossa Senhora de Lourdes Furto em escola pública de Lavras: PM prendeu um dos ladrões e recuperou os objetos
   
Criminosos armados assaltam casa lotérica em Lavras - veja vídeo PM prende ladrões de gado na cidade de Perdões; animais eram vendidos em Lavras
   
Caixa amplia horário de atendimento das agências para saque de auxílio emergencial Bolsonaro nomeia João Chrysostomo de Resende Júnior como reitor da Ufla
.

Flashes de Notícias:

Jovem de 33 anos falece com suspeita de coronavírus em Lavras Mais um caso de coronavírus confirmado em Lavras
   
Primeiro caso de coronavírus confirmado em Lavras Falecimento de idosa que estava com suspeita de coronavírus em Lavras
.  

Blog Sabrina Cicareli:

Tudo de Bom no Destaque Sales Pesquisa Lavras 2019 Série Viajadamente no Chile - Parte 7 - Valle Nevado
   
Série Viajadamente no Chile - Parte 6 - Tour em Santiago Série Viajadamente no Chile - Parte 5 - Tour em Santiago
   
Série Viajadamente no Chile - Parte 4 - Tour em Santiago Série Viajadamente no Chile - Parte 3 - Tour em Santiago
   
Série Viajadamente no Chile - Parte 2 - Tour em Santiago Série Viajadamente no Chile - Parte 1 - Tour por Santiago
   

.

Voltar Envie para um amigo


 www.jornaldelavras.com.br - A informação a um click de você
Lavras/MG
WhatsApp: (35) 9 9925-5481
Instagram: @jornaldelavras 
Twitter: twitter.com/jlavras 
Facebook: www.facebook.com/jornaldelavras