Quem somos
|
Arquivo
|
Anuncie
|
Contato
|
Sua página inicial


início
prêmios
lavras tem
agenda
busca


cotidiano / Meio Ambiente /


Publicada em: 08/01/2019 09:32 - Atualizada em: 08/01/2019 14:13
Pesquisadora da Ufla testa extrato de óleo essencial no combate a carrapatos bovinos
Testes in vitro têm apresentado resultados promissores, que poderão reduzir os custos para os produtores

Mestranda do DMV Raquel Romano conduz a pesquisa

 

 

  Jornal de Lavras:  (35) 9 9925.5481    @jornaldelavras     @jornaldelavras    @jlavras    

Inimigos da bovinocultura, os carrapatos são responsáveis por causar diversos problemas aos animais, que vão desde a redução da qualidade do couro à perda de peso e morte. A estimativa é que, no Brasil, esse ectoparasita cause prejuízos em torno de 3,24 bilhões de dólares anuais.

A principal espécie de carrapato que atinge o rebanho brasileiro é a Rhipicephalus (Boophilus) microplus, conhecida popularmente por carrapato-do-boi, e seu controle é feito através do uso de produtos carrapaticidas que utilizam compostos sintéticos em suas formulações.

Na Ufla (Universidade Federal de Lavras), a mestranda do Departamento de Medicina Veterinária (DMV) Raquel Romano tem testado o uso do extrato de óleo essencial de carvacrol - presente em diversas plantas que usamos, como o orégano e o tomilho - para combater os carrapatos bovinos. "Nós o compramos pronto e o transformamos quimicamente em uma molécula mais potente chamada acetilcarvacrol, que é a substância que estamos testando nos carrapatos." O uso de carvacrol para combater esses parasitas já tem sido estudado por outros cientistas, por conta de suas propriedades antimicrobiana e antitumoral; porém, a utilização do acetilcarvacrol ainda é algo recente, de acordo com a pesquisadora.

O projeto tem a orientação dos professores Ana Paula Peconick (DMV) e Rafael Neodini Remedio (Departamento de Ciências da Saúde), além de contar com apoio do Departamento de Química da Universidade. Para os testes in vitro, o acetilcarvacrol é dissolvido em um solvente chamado dimetilsulfóxido (DMSO) a 3%. Os carrapatos são colocados em uma solução das duas substâncias, com adição de água, e ficam cerca de 5 minutos dentro dessa solução; depois são retirados e avaliados durante 7 dias para saber qual foi a mortalidade encontrada.

Em relação ao efeito acaricida, ou seja, o potencial de morte do carrapato, a eficácia do acetilcarvacrol em laboratório teve melhor resultado se comparada ao carvacrol, com a vantagem de usar menores quantidades. Agora, a pesquisadora se concentra em calcular a eficiência do produto em relação à reprodução dos carrapatos: " avaliamos se o carrapato está colocando menos ovos e se vão nascer menos larvas", diz.

As concentrações de óleo utilizadas são baixas, o que diminui os custos para essa alternativa de tratamento. "Nosso objetivo é utilizar concentrações reduzidas de grande eficácia para chegar ao produtor, já que os que existem atualmente são tóxicos e contaminam o meio ambiente, além de trazerem risco para a saúde do trabalhador rural que aplica e para a nossa, uma vez que podem deixar resíduos na carne e no leite que consumimos", explica Raquel.

Fonte: Ufla

Clique AQUI e comente no facebook do Jornal de Lavras

 
www.jornaldelavras.com.br 
A informação a um click de você
#jornaldelavras Eduardo Cicarelli Sabrina Cicareli

Leia também:

Obra do retorno operacional do Fonte Verde está em processo de licitação Morador de Lavras acertou 15 dezenas da Lotofácil e ganhou mais de R$ 225 mil
   
Ufla sobe dez posições no ranking Times Higher Education América Latina Aprendizado e diversão: alunos de Lavras saem para brincar com carrinhos de rolimã e aprender Física
   
Acidente mata motociclista no centro de Lavras Atleta revelado no CRIA/Lavras garantiu medalha de ouro para o Brasil em Cali, Colômbia
.

Flashes de Notícias:

Parcelamento de multas, IPVA, Licenciamento e DPVAT em até 12 vezes no cartão Seletiva técnica do concurso Miss Lavras 2019
   
Vacinação contra gripe aberta para população em geral Bingo do Especial Kids
   
Vendedora de Super Minas Cap presa por comunicar falso assalto Mais de 18 mil alunos do Ensino Médio no Ufla de Portas Abertas

Voltar Envie para um amigo


 www.jornaldelavras.com.br - A informação a um click de você
Caixa Postal: 98 - CEP: 37.200-000 - Lavras/MG
WhatsApp: (35) 9 9925-5481
Instagram: @jornaldelavras 
Twitter: twitter.com/jlavras 
Facebook: www.facebook.com/jornaldelavras