Quem somos
|
Arquivo
|
Anuncie
|
Contato
|
Sua página inicial


início
prêmios
lavras tem
agenda
busca


destaque / História /


Publicada em: 15/11/2018 13:09 - Atualizada em: 16/11/2018 07:53
Dia da Proclamação da República - o que é história em Lavras a partir desta data?
O que faz parte das efemérides de Lavras em todo dia 15 de novembro a partir da Proclamação da República

Proclamação da República, pintura de Benedito Calixto, 1893

 

 

  Jornal de Lavras:  (35) 9 9925.5481    @jornaldelavras     @jornaldelavras    @jlavras    

A República Brasileira foi proclamada no dia 15 de novembro de 1889. Resultado de um levante político-militar que deu inicio à República Federativa Presidencialista. Fica marcada a figura de Marechal Deodoro da Fonseca como responsável pela efetiva proclamação e como primeiro Presidente da República brasileira em um governo provisório (1889-1891).

Se a data faz parte das efemérides do Brasil, o que o dia 15 de novembro, a partir da Proclamação da República, também pode ser considerado em Lavras:

15 de novembro de 1889 -Na tarde do dia 15 de novembro é recebida na recém criada cidade de Lavras, por entusiásticas manifestações de regozijo público, a notícia da Proclamação da República.

15 de novembro de 1890 - Instala-se com toda pompa no Rio de Janeiro, capital federal, o congresso constituinte da República. Entre os deputados mineiros, o lavrense Dr. Álvaro Augusto de Andrade Botelho.

15 de novembro de 1893 - Morre o farmacêutico João Ferreira de Aquino, o major Ferreira, como era conhecido; foi vereador, suplente de juiz, presidente da Câmara Municipal e por duas vezes delegado de polícia. Major Ferreira morreu aos 75 anos, era filho do coronel Thomaz de Aquino Alves de Azevedo, que foi presidente da Câmara.

15 de novembro de 1896 - Com uma solenidade bastante concorrida é inaugurado no povoamento de Perdões o Theatro Districtal, que durante muitos anos abrigou grandes companhias teatrais de todo país.

15 de novembro de 1902 - Inaugurado o novo matadouro municipal de Lavras, sendo neste dia abatido um boi de 14 arrobas cuja carne foi distribuída aos pobres da cidade. A construção do matadouro, no lugar denominado Chacrinha, hoje rua Deputado José Marcos Cherem, teve como administrador o funcionário Policarpo Pinto de Miranda.

15 de novembro de 1929 - Neste dia, por iniciativa de um grupo de pessoas da sociedade lavrense, foi fundado o Clube de Lavras.

15 de novembro de 1936 - O mais tradicional educandário de Lavras, o Instituto Gammon, forma mais uma turma de alunos, são eles: Adolpho Moura, Aluízio Soares, Carnot Hermeto de Pádua, Celita Figueira, Elbert Filgueiras Campos, Edmundo Rezende, Edmundo de Souza Andrade, Evan Closter Aranha de Castro, Fenelon Coutinho Filho, Fernando Haddad, Francisco Freitas Victoi, Francisco Pinto Leite, Genésio Botelho Pereira, Gil Villela, Hélio Lúcio, Ivan Ferreira Alves, João Batista Hermeto, José Mansur Sobrinho, José Maria de Pádua, Thomé Machado de Azevedo, Marcos Carvalho Pereira, Odilon Theodoro Leite, Olympio Salgado Filho, Vivaldo Martins Garcia, Vicente de Paula Costa, José Nogueira Barros, Othon Ribeiro e Sebastião Elias.

15 de novembro de 1939 - Comemorando o cinquentenário na Proclamação da República, o prefeito Pedro Salles denomina de rua Quintino Bocayuva a antiga rua Veneza, entre às ruas Benedito Valadares até a comendador José Esteves, um prolongamento da rua das Flores, que hoje denomina-se Saturnino de Pádua em toda sua extensão.

15 de novembro de 1955 - Morre aos 80 anos de idade o capitão Nicésio da Costa Maia, antigo coletor estadual do município. Casado em primeira núpcias com Vitória Maia, sendo neste casamento pai de quatro filhos.Em segunda núpcias com Lazarina de Azevedo Maia, do qual nasceram três filhos.

15 de novembro de 1970 - O povo de Lavras vai às urnas para eleger prefeito e vereadores. Pela primeira vez em toda sua história política, a cidade de Lavras elege uma mulher para vereadora, trata-se de Maria Aparecida Mesquita.

15 de novembro de 1999 - É criada neste dia a Associação das Embaixadas de Santos Reis, Congados e Terços de São Gonçalo, de Lavras, cuja primeira diretoria ficou assim constituída: presidente, Iracija da Fonseca Manes; vice-presidente, Mário da Costa Lima Filho; secretário, Wellington Reis, e tesoureiro, Lázaro Machado de Oliveira.

Clique AQUI e comente no facebook do Jornal de Lavras

 
www.jornaldelavras.com.br 
A informação a um click de você
#jornaldelavras Eduardo Cicarelli Sabrina Cicareli

Leia também:

Comerciante de Lavras foi conduzida até a delegacia por vender bebida alcoólica para menores Parecer favorável da CCJ pode resultar em devolução de verbas para o Executivo
   
Dois lavrenses serão agraciados com a Medalha "Juscelino Kubistchek" Homem foi preso acusado de abusar sexualmente de crianças nas dependências do Lavras Tênis Clube
   
Pedestre é atingido no rosto por linha chilena em bairro de Lavras Campus 2 do Unilavras foi inaugurado em Lavras - veja fotos
.

Flashes de Notícias:

Projeto Influencers na Net nas escolas municipais Queijo lavrense premiado no Concurso Mundial de Queijos
   
Briga com facada no Centro de Lavras 1ª Edição do Fest Vai
.  

Blog Sabrina Cicareli:

Série Viajadamente no Peru - Parte 6 - Lima Série Viajadamente no Peru - Parte 5 - Machu Picchu
   
Série Viajadamente no Peru - Parte 4 - Machu Picchu Série Viajadamente no Peru - Parte 3 - Cusco
   
Série Viajadamente no Peru - Parte 2 - Cusco Série Viajadamente no Peru - Parte 1 - Cusco

.

Voltar Envie para um amigo


 www.jornaldelavras.com.br - A informação a um click de você
Lavras/MG
WhatsApp: (35) 9 9925-5481
Instagram: @jornaldelavras 
Twitter: twitter.com/jlavras 
Facebook: www.facebook.com/jornaldelavras