Quem somos
|
Arquivo
|
Anuncie
|
Contato
|
Sua página inicial


início
prêmios
lavras tem
agenda
busca


polícia / Golpe /


Publicada em: 12/11/2018 23:11 - Atualizada em: 13/11/2018 10:11
Golpe da "filha sequestrada" em Lavras: desta vez, a vítima que enganou o criminoso
Vítima finge acreditar nos criminosos e pega informações que se as autoridades quiserem, chegam até eles

Imagem rotineira nos presídios brasileiros, presos com celulares extorquindo e ordenando assaltos e execuções  

 

.


Dê play e conheça o Toledo Residencial


  Jornal de Lavras:  (35) 9 9925.5481    @jornaldelavras     @jornaldelavras    @jlavras    

Na tarde desta segunda-feira, dia 12, um homem recebeu, por volta de 14h, uma ligação telefônica de um telefone de número privado, quando ele atendeu ouviu uma voz supostamente feminina chorando, chamando-o de pai e pedindo ajuda. Ela dizia que havia sido assaltada e que estava nas mãos dos assaltantes.

O atendente percebeu logo que se tratava de um golpe de criminosos e reagiu dizendo: "É você Simone?", o que foi confirmado pela pessoa do outro lado da linha. Ele disse ainda: "Simone, minha filha, o que aconteceu com você?"

Neste momento um homem pegou o telefone e assumiu como sendo o assaltante e disse: "Estou com uma arma apontada para a cabeça da Simone, você não quer que eu estoure seus miolos, não é mesmo?"

Diante da negativa, ele perguntou quanto ele tinha em dinheiro em seu bolso. A vítima então disse que tinha R$ 650. Ele disse então para procurar imediatamente uma casa lotérica e efetuar um depósito, sempre falando que mataria a "sua filha Simone", caso ele não obedecesse ou falasse com alguém.

A vítima do golpe então perguntou o que deveria fazer, o criminoso passou as informações, disse para ele efetuar o depósito de R$ 650 na conta corrente 0068623-0, sendo favorecido Alessandro Almeida, Operação 013. A agência da CEF número 0180, Campo dos Goytacazes (RJ).

A ligação telefônica durou 5'44", ela foi encerrada depois que a vítima contou ao criminoso que ele não tinha filha e que estava apenas fazendo o criminoso gastar seus créditos telefônicos, além de falar palavras impublicáveis ao criminoso, que também reagiu com um palavreado também impublicável.

Agora fica aqui um questionamento: como que as autoridades não conseguem chegar até estes criminosos? Neste caso, tem o número da conta, da agência, a cidade e o suposto favorecido.  

 
www.jornaldelavras.com.br
A informação a um click de você 
 

Leia também:

Mais informações sobre o assassinato do estudante da Ufla que estava desaparecido Ladrão arrombou estabelecimentos comerciais em Ijaci e foi preso pela PM em Lavras
   
Acidente em Lavras envolvendo automóvel e caminhão guincho deixa motorista ferido Cemig alerta sobre a importância de manter atualizada a titularidade do contrato de fornecimento de energia
   
Pesquisadores da Ufla desenvolvem tecnologia inovadora envolvendo bioenergia e tratamento de esgoto PM apreende droga em Lavras com ajuda de cães farejadores
   
.

Voltar Envie para um amigo


 www.jornaldelavras.com.br - A informação a um click de você
Lavras/MG
WhatsApp: (35) 9 9925-5481
Instagram: @jornaldelavras 
Twitter: twitter.com/jlavras 
Facebook: www.facebook.com/jornaldelavras