Quem somos
|
Arquivo
|
Anuncie
|
Contato
|
Sua página inicial


início
prêmios
lavras tem
agenda
busca


polícia / Furto e Roubo /


Publicada em: 26/09/2018 14:03 - Atualizada em: 27/09/2018 07:06
Quadrilha explode mais duas agências bancárias no Sul de Minas
Ontem foi em Machado e na madrugada de hoje os alvos foram as agências do BB e Itaú da cidade de Extrema

Agências bancárias do interior tem sido alvo de quadrilhas especializadas. Imagem ilustrativa de uma agência da cidade de Santana do Jacaré, que no ano passado foi alvo dos bandidos. Foto: Portal Campo Belo
 

 

 

  Jornal de Lavras:  (35) 9 9925.5481    @jornaldelavras     @jornaldelavras    @jlavras    

Os moradores da região central da cidade de Machado, no Sul de Minas, viveram momentos de muita tensão na madrugada de ontem, terça-feira, dia 25, quando uma quadrilha de criminosos explodiu duas agências bancarias naquela cidade, além de trocar tiros com a Polícia Militar por cerca de 40 minutos e fazer dois homens de reféns.

Na madrugada de hoje, quarta-feira, dia 26, o terror se instalou em outra cidade do Sul de Minas, em Extrema, onde também duas agências foram explodidas por criminosos. Desta vez os alvos dos bandidos foram as agências do Banco do Brasil e do Itaú, ambas na área central da cidade.

De acordo com a Polícia Militar, a quadrilha chegou na cidade em um Tiguan e um Jetta preto, os carros pararam em frente a agência do Banco do Brasil e dois homens descerram, um deles portava uma arma longa. Eles entraram na agência, alguns minutos depois eles saíram correndo e aconteceu uma grande explosão.

Ainda de acordo com informações da PM, os homens  voltaram e um saiu segurando um malote verde. Depois da saída do outro, a polícia diz que ocorreram pelo menos outras 10 explosões e também tiros. Os bandidos atacaram a agência do Banco Itaú que fica bem próximo a agência do BB.

A PM foi acionada e quando uma viatura que fazia a ronda na região chegou, foi recebida a bala, ouve troca de tiros, mas os criminosos fugiram. 

Na manhã de hoje o trabalho da perícia foi interrompido depois que descobriram que na agência do Itaú, a mais prejudicada com as explosões, havia explosivos que não detonaram, o mesmo foi constatado na agência do Banco do Brasil. A PM de Extrema estava aguardando a chegada naquela cidade de homens do Batalhão de Operações Especiais (Bope), para desativar os explosivos.

Entre as duas agências tem uma loja e uma casa, os dois imóveis foram danificados pelas explosões, apesar da violência, ninguém se feriu. A PM mineira pediu ajuda a PM paulista para auxiliar no rastreamento aos criminosos.

Clique AQUI e comente no facebook do Jornal de Lavras

 
 
www.jornaldelavras.com.br
A informação a um click de você
#jornaldelavras @eduardocicarelli @sabrinacicareli

Leia também:

Comunidade rural da Ponte Alta será transformada em bairro de Lavras Lavrenses estão confirmados no Rally Piocerá
   
Cestos metálicos serão instalados em bueiros do bairro Lavrinhas Há 282 anos, Lavras obtinha seu primeiro documento oficial, a Carta de Sesmaria
   
(Revista O Melhor de Lavras) Quando a carne não é fraca! InovaCafé/Ufla celebra parceria com Embrapa-Café
.

Vídeos:

.

Voltar Envie para um amigo


 www.jornaldelavras.com.br - A informação a um click de você
Caixa Postal: 98 - CEP: 37.200-000 - Lavras/MG
WhatsApp: (35) 9 9925-5481
Instagram: @jornaldelavras 
Twitter: twitter.com/jlavras 
Facebook: www.facebook.com/jornaldelavras