Quem somos
|
Arquivo
|
Anuncie
|
Contato
|
Sua página inicial


início
prêmios
lavras tem
agenda
busca


destaque / Esporte /


Publicada em: 17/06/2018 18:55 - Atualizada em: 18/06/2018 11:40
(Por Leonardo Assad) Neymar dependência?
Craque joga mal e seleção empata com a Suíça

 

 

 

  Jornal de Lavras:  (35) 9 9925.5481    @jornaldelavras     @jornaldelavras    @jlavras    

Hoje foi dia de juntar os familiares e amigos, servir aquele almoço tradicional e preparar o pré-jogo para Brasil e Suíça, estreia da seleção na Copa do Mundo. O empate por 1 a 1 decepcionou, não pelo resultado, mas sim o desempenho assustador. Tite terá trabalho para colocar o time no eixo contra a Costa Rica.

Antes de Neymar e seus companheiros pisarem no gramado do Rostov Arena, a bola rolou em Samara e Luzhniki para Costa Rica 0x1 Sérvia e Alemanha 0x1 México, respectivamente.

Grupo E – Costa Rica 0x1 Sérvia

Kolarov marcou o gol da Sérvia em cobrança de falta, colocando a bola no ninho onde a coruja dorme, aos 10 minutos do segundo tempo. Foi o terceiro gol de falta nesta Copa do Mundo, igualando a totalidade neste quesito em relação a 2014.

Depois de oito anos ausente da principal competição de futebol no mundo, a Sérvia assumiu naquele momento a liderança do Grupo E, o mesmo de Brasil e Suíça, com 3 pontos.

Grupo F – Alemanha 0x1 México

No Luzhniki Stadium, Alemanha e México escreveram mais um capítulo na história deste confronto. Antes do início da partida as duas equipes haviam se enfrentado em 11 oportunidades, sendo cinco vitórias para os alemães, cinco empates e um resultado positivo aos mexicanos.

Este foi o quarto duelo em Copas do Mundo. Vejam o histórico:

1978 – Alemanha 6x0 México, fase de grupos
1986 – Alemanha 0x0 México, quartas de final. Nos pênaltis terminou 4x1 para os alemães.
1998 – Alemanha 2x1 México, oitavas de final

A única vitória mexicana havia acontecido no amistoso do dia 15 de junho de 1985, no Estádio Azteca, pelo placar de 2x0. Os gols foram marcados por Manuel Negrete e Luis Flores.

Com a bola rolando, os dois times proporcionaram um grande jogo. Enquanto Joachim Low presava pela manutenção da posse de bola, Juan Carlos Osório armou uma forte marcação e fechou a entrada da área defensiva com uma linha de cinco. Thomas Müller, Özil e Draxler pouco criaram.

Os mexicanos roubavam a bola e contra-atacavam com Lozano e Chicharito, levando perigo ao gol de Neuer em vários momentos.

A armadilha armada por Osório deu certo aos 34 minutos, quando Chicharito puxou o contra-ataque e serviu Lozano que trouxe a pelota para a perna direita e fuzilou. Neuer nada pôde fazer.

Perdendo por 1 a 0, a Alemanha começou a segunda etapa pressionando e encurralando as linhas defensivas do México, mas não conseguia entrar na área. O muro de Berlim foi reerguido na frente do goleiro Ochoa. Restaram os chutes de fora da área e cruzamentos, nada de triangulação.

Com a vitória os mexicanos somaram os primeiro 3 pontos do Grupo F. Foi um presente para o zagueiro Rafael Márquez, recordista com cinco Copas disputadas, marca que também foi atingida por Carbajal, Buffon e Lothar Matthäus.

Na próxima rodada o México terá pela frente a Coréia do Sul, no Rostov Arena, às 12 horas. A Alemanha enfrentará a Suécia, no Fisht Stadium, às 15 horas.

Grupo E – Brasil 1x1 Suíça

A bola rolou em Rostov para Brasil e Suíça às 15 horas e, na primeira oportunidade de gol, Neymar invadiu a área pela esquerda e cruzou para Paulinho finalizar. A bola passou perto da trave, tirando gritos de uma república feminina vizinha a casa deste jornalista.

O primeiro gol brasileiro veio aos 19 minutos. Neymar acionou Marcelo pela esquerda que cruzou, mas a zaga cortou errado e Philippe Coutinho chutou de fora da área no ângulo esquerdo de Sommer. Festa no estádio, em todo o Brasil e na república feminina.

Pela TV só se ouvia:

"O campeão voltou... O campeão voltou... O campeão voltou". Certamente se arrependeram depois.

Philippe Coutinho fez seu jogo de número 36 desde o fim da Copa de 2014 com a camisa da seleção, ficando atrás apenas de Willian com 46 e Miranda que tem 41.

A partida foi para o intervalo com o 1 a 0 favorável aos brasileiros, mas os suíços empataram no começo da etapa complementar em lance polêmico. Após cobrança de escanteio, Zuber subiu livre dentro da pequena área e cabeceou firme, sem chances para Alisson. Miranda, zagueiro que deveria ter pulado junto, reclamou de um empurrão e pediu o VAR. O árbitro ignorou e chamou a responsabilidade. Foi falta clara não assinalada.

Brasil sem Neymar é igual Bochecha sem Claudinho. Time sonolento, com muitos erros de passes. O atacante estava em campo, mas por algum motivo não foi o jogador que todos nós conhecemos. A partida não fluía e os suíços arriscavam algumas investidas ao ataque.

Aos 27 minutos, Renato Augusto deixou Gabriel Jesus na cara do gol e o atacante do Manchester City foi agarrado dentro da área. Árbitro e VAR consideraram lance normal, verdadeira lambança. Penalidade clara.

Neymar poderia ter feito o segundo gol aos 42, aproveitando cruzamento de William, mas cabeceou em cima de Sommer.

Aos 44 o menino Ney cruzou na cabeça de Firmino e Sommer novamente salvou a Suíça.

Miranda também teve a sua chance aos 45, pegando uma sobra na entrada da área e soltando a bomba, a bola passou muito perto da trave direita.

Na próxima sexta-feira (22), o Brasil terá a oportunidade de conseguir a primeira vitória, quando enfrentará a Costa Rica às 9 horas, no Saint Petersburgo Stadium. Já a Suíça jogará no mesmo dia contra a Sérvia, no Kaliningrad Stadium, às 15 horas.

Classificação

Grupo A

1) Rússia – 3 pontos
2) Uruguai – 3 pontos
3) Egito – 0 ponto
4) Arábia Saudita – 0 ponto

Grupo B

1) Irã -  3 pontos
2) Espanha – 1 ponto
2) Portugal – 1 ponto
4) Marrocos – 0 ponto

Grupo C

1) França – 3 pontos
2) Dinamarca – 3 pontos
3) Peru – 0 ponto
4) Austrália – 0 ponto

Grupo D

1) Croácia – 3 pontos
2) Argentina – 1 ponto
2) Islândia – 1 ponto
4) Nigéria – 0 ponto

Grupo E

1) Sérvia – 3 pontos
2) Brasil – 1 ponto
3) Suíça – 1 ponto
4) Costa Rica – 0 ponto

Grupo F

1) México – 3 pontos
2) Alemanha – 0 ponto
3) Coréia do Sul – 0 ponto
4) Suécia – 0 ponto

Jogos de amanhã

09h – Grupo F: Suécia x Coréia do Sul, Nijni Novgorod
12h – Grupo G: Bélgica x Panamá, Sóchi
15h – Grupo G: Tunísia x Inglaterra,Volgogrado

 

Por Leonardo Assad, Aoun, jornalista esportivo

Clique AQUI e comente no facebook do Jornal de Lavras

 
www.jornaldelavras.com.br 
A informação a um click de você
#jornaldelavras Eduardo Cicarelli Sabrina Cicareli

Leia também:

Empresa de Pesquisa de Lavras, MDA, avaliou Zema e Bolsonaro Direção do Lavras Tênis Clube vai homenagear ex-atleta denominando obra com seu nome
   
Varginha e Três Corações são as cidades mais violentas no Sul de Minas, segundo dados do Governo de Minas Torcida da Flalavras distribuiu brinquedos arrecadados para o Dia da Criança em Lavras
   
Uber em Lavras: aplicativo inicia cadastro para motoristas de mais 6 cidades mineiras Atleta de Lavras terá luta transmitida pelos canais Combate e Sport TV
.

Flashes de Notícias:

Descoberta de que jovem assassinada estava grávida - entrevista com a delegada Projeto de regulamentação do serviço de Mototaxista
   
Projeto Influencers na Net nas escolas municipais Queijo lavrense premiado no Concurso Mundial de Queijos
.  

Blog Sabrina Cicareli:

Série Viajadamente no Peru - Parte 6 - Lima Série Viajadamente no Peru - Parte 5 - Machu Picchu
   
Série Viajadamente no Peru - Parte 4 - Machu Picchu Série Viajadamente no Peru - Parte 3 - Cusco
   
Série Viajadamente no Peru - Parte 2 - Cusco Série Viajadamente no Peru - Parte 1 - Cusco

.

Voltar Envie para um amigo


 www.jornaldelavras.com.br - A informação a um click de você
Lavras/MG
WhatsApp: (35) 9 9925-5481
Instagram: @jornaldelavras 
Twitter: twitter.com/jlavras 
Facebook: www.facebook.com/jornaldelavras