Quem somos
|
Arquivo
|
Anuncie
|
Contato
|
Sua página inicial


início
prêmios
lavras tem
agenda
busca


cotidiano / Desenvolvimento /


Publicada em: 05/04/2017 08:45 - Atualizada em: 05/04/2017 13:57
Projeto de lei visa mudar a classificação de CNH para motociclistas
A categoria dos motociclistas será dividida em três subcategorias: A1, A2 e A3

Para pilotar uma motocicleta assim será necessária a habilitação A, mas se as cilindradas for maior, sobe a categoria da carteira. Imagem ilustrativa extraída do site novasregras.com

 

 

  Jornal de Lavras:  (35) 9 9925.5481    @jornaldelavras     @jornaldelavras    @jlavras    

Tirar carteira para pilotar motocicleta vai ficar mais complicado depois que for sancionado o Projeto de Lei 3245/15, aprovado pela Comissão de Viação e Transportes. O projeto é de autoria do deputado Ronaldo Fonseca (PROS-DF), que classifica a carteira de habilitação dos motociclistas de acordo com a cilindrada da moto. A proposta altera o Código de Trânsito Brasileiro e recebeu parecer favorável do relator, deputado Gonzaga Patriota (PSB-PE).

A nova versão traz alguns ajustes no texto original, como determinar que a nova classificação não prejudicará os motociclistas já habilitados ou em processo de habilitação quando a lei entrar em vigor. A nova divisão ficará assim: a categoria A, de motociclistas, será dividida em três subcategorias: A1, categoria genérica, para condutor de ciclomotor (veículo motorizado de duas ou três rodas); A2, para condutor de moto de até 300 cilindradas; e A3, para condutor de moto de até 700 cilindradas.

Independentemente da subcategoria, a formação do condutor deverá incluir curso de direção em circuito fechado, anterior à prática em via pública. Caberá ao Conselho Nacional de Trânsito (Contran) regulamentar a lei e definir os exames que serão feitos em cada subcategoria.

A proposta tem dois méritos, segundo o deputado Gonzaga Patriota: primeiro, impede que candidatos à habilitação façam o teste em uma motocicleta de potência inferior à que usará no dia a dia. Depois, permite dosar o teste de habilitação ao veículo que será usado pelo condutor.

O projeto tramita em caráter conclusivo e ainda será analisado agora na Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Este conteúdo foi publicado originalmente no site da Câmara dos Deputados.

Clique AQUI e comente no facebook do Jornal de Lavras

 
www.jornaldelavras.com.br
A informação a um click de você
#jornaldelavras Eduardo Cicarelli Sabrina Cicareli

Leia também:

Ufla obtém resultados de excelência no Enade Agência da Copasa em Lavras voltou com o atendimento presencial, mas com restrições
   
Inaugurado na Ufla, o LabCovid, que realizará exames de diagnóstico da Covid - veja fotos Ufla, em parceria internacional, realiza pesquisa inédita sobre a reconstrução do clima da Amazônia
   
Vacinação contra sarampo para jovens e adultos em Lavras vai até o dia 30 Bombeiros de MG atenderam a 40 afogamentos nos 12 primeiros dias de outubro
.

Flashes de Notícias

.  

Blog Sabrina Cicareli:

Decoração da minha Kitnet Tudo de Bom no Os Mais Influentes Revista Elitte 2019
   
Tudo de Bom no Destaque Sales Pesquisa Lavras 2019 Série Viajadamente no Chile - Parte 7 - Valle Nevado
   
Série Viajadamente no Chile - Parte 6 - Tour em Santiago Série Viajadamente no Chile - Parte 5 - Tour em Santiago
   
Série Viajadamente no Chile - Parte 4 - Tour em Santiago Série Viajadamente no Chile - Parte 3 - Tour em Santiago
   
Série Viajadamente no Chile - Parte 2 - Tour em Santiago Série Viajadamente no Chile - Parte 1 - Tour por Santiago
   

.

Voltar Envie para um amigo


 www.jornaldelavras.com.br - A informação a um click de você
Lavras/MG
WhatsApp: (35) 9 9925-5481
Instagram: @jornaldelavras 
Twitter: twitter.com/jlavras 
Facebook: www.facebook.com/jornaldelavras