Quem somos
|
Arquivo
|
Anuncie
|
Contato
|
Sua página inicial


início
prêmios
lavras tem
agenda
busca


cotidiano / Política /


Publicada em: 11/10/2016 14:03 - Atualizada em: 11/10/2016 17:02
Secretária de Educação do governo José Cherem poderá ser Cláudia das Neves Lopes Carvalho
Ela é o nome mais forte para ocupar a Secretaria Municipal de Educação, até por questão de resgatar projeto que foi abortado na administração atual

A ex-Secretária de Educação Cláudia das Neves Vieira Lopes Carvalho

 

.


Dê play e conheça o Toledo Residencial


  Jornal de Lavras:  (35) 9 9925.5481    @jornaldelavras     @jornaldelavras    @jlavras    

O prefeito eleito José Cherem está movimentando para montar a equipe do primeiro escalão de seu governo. Naturalmente, muitas especulações surgem em torno de alguns nomes, alguns até podem vir a ocupar os cargos mais importantes do novo governo. O Jornal de Lavras também está apostando em alguns nomes, como o da professora Cláudia das Neves Vieira Lopes Carvalho, ex-secretária Municipal de Educação do governo de Marcos Cherem.

A volta de Cláudia para a pasta da Educação é quase certa para poder concluir um dos projetos mais importantes da área, a Educação Conectada, cuja proposta era interligar todas as escolas da Rede Municipal de Ensino através de um sistema de fibra óptica, internet wireless e tablets para cada aluno, possibilitando o acesso em tempo real a todo conteúdo didático das grades curriculares e também a uma biblioteca virtual onde os alunos poderão aprimorar seus estudos e os professores buscarem uma melhor capacitação profissional através das inúmeras ferramentas pedagógicas disponibilizadas pelo sistema.

O projeto foi desenvolvido por uma equipe de educadores da Universidade Federal de Lavras (Ufla), um modelo que no Brasil é ainda uma novidade, mas muito usado nos países de primeiro mundo, onde a educação básica é extremamente desenvolvida. Os tablets foram adquiridos na administração do ex-prefeito Marcos Cherem, eles chagaram até a serem configurados por uma equipe do Departamento de Informática da Ufla.

No projeto do ex-prefeito, todas as escolas da área urbana foram interligadas por uma rede de fibra óptica com mais de 34 km e com wi-fi instalado. Na primeira etapa, todos os estudantes do Ensino Fundamental I receberiam um tablet para acesso aos programas educacionais. Em 2015 os alunos do Ensino Fundamental II estariam com seus tablets. O projeto, se fosse implantado, beneficiaria 11 mil estudantes, entre crianças e jovens da Rede Municipal.

Com a cassação pedida na justiça pelo grupo político PSDB / PMDB, Marcos Cherem deixou o cargo em 2014, tendo assumido o prefeito Silas Costa Pereira, que não deu andamento ao projeto da Educação Conectada sob alegação de que o ex-prefeito Marcos Cherem havia pago somente 10% do valor dos tablets adquiridos para os alunos das escolas públicas, no projeto Educação Conectada.

A então ex-secretária Cláudia das Neves Vieira Lopes Carvalho, que tinha cópia de toda a documentação, procurou a Polícia Militar e registrou um boletim de ocorrência, já que o nome do fornecedor dos tablets estava sendo usado indevidamente e como o dinheiro estava depositado em conta específica para o pagamento dos equipamentos. A ex-secretária justificou a medida afirmando que assim fez, para resguardar de eventuais questionamentos da empresa Multilaser Industrial S.A., destinados ao projeto Educação Conectada. A ex-Secretária, na época, disse que havia entendido na hora a manobra que a administração Silas/Clóvis estava tentando fazer: "eles arquitetaram um plano para usar o dinheiro depositado para os tablets em outros fins e, para poder ter acesso a este dinheiro, articulou a história do parcelamento, o que não era verdadeiro".

 
www.jornaldelavras.com.br
A informação a um click de você 
 

Leia também:

Ufla poderá armazenar vacinas do Governo do Estado em seus Ultrafreezers Decreto da Prefeitura de Lavras prevê uso obrigatório de máscara também em vias públicas
   
PM de Lavras aborda homem que portava réplica de arma de fogo na cintura Prefeitura de Lavras publica decreto com menos restrições que a Onda Vermelha do Minas Consciente
   
CDL Lavras informa que medidas estão sendo tomadas pela entidade para tentar evitar o fechamento do comércio - veja vídeo Comerciantes de Lavras manifestaram contra aplicação da fase restritiva da Onda Vermelha
   
Rua de Luminárias com 9 faixas de pedestres virou meme nas redes sociais Covid-19: Associação Médica de Lavras manifesta através de nota oficial
   
LabCovid e Prefeitura de Ingaí realizam coleta para exame de Covid-19 Começou a campanha de vacinação contra a Covid-19 em Lavras
   
.

Voltar Envie para um amigo


 www.jornaldelavras.com.br - A informação a um click de você
Lavras/MG
WhatsApp: (35) 9 9925-5481
Instagram: @jornaldelavras 
Twitter: twitter.com/jlavras 
Facebook: www.facebook.com/jornaldelavras