Quem somos
|
Arquivo
|
Anuncie
|
Contato
|
Sua página inicial


início
prêmios
lavras tem
agenda
busca


destaque / História /


Publicada em: 23/08/2016 23:02 - Atualizada em: 24/08/2016 10:38
Há 48 anos Juscelino Kubitschek chegava a Lavras para o Baile do Século
O dia que Lavras parou para receber o ex-presidente Juscelino Kubitschek de Oliveira, para participar do Baile do Século

Juscelino Kubitschek e Judy Maceira, no Clube de Lavras, no Baile do Século (Foto: arquivo da família Maceira, cedida ao Jornal de Lavras)

 

 

(35) 99925.5481   @jornaldelavras    @jornaldelavras   @jlavras   jornaldelavras

Amanhã, dia 24 de agosto, estará fazendo 48 anos que o ex-presidente Juscelino Kubitschek veio a Lavras para participar de um grande baile, o Baile do Século, organizado Judy Maceira. O Baile do Século começou a ser organizado em junho de 1968 e foi realizado em 24 de agosto de 1968, foram quase três meses de preparativos. Judy atendeu ao pedido do então prefeito João Modesto, que queria fazer um grande baile para marcar o primeiro centenário de Lavras como cidade.

Judy recorreu a um amigo, o deputado estadual Sylvio Menicucci, que sugeriu o nome de Juscelino Kubitschek como convidado de honra. JK aceitou de imediato. O baile foi então preparado especialmente para recebê-lo.

A programação incluía um show de danças, com as mais belas jovens moças da sociedade, que mostrariam as danças de época para o presidente JK, um conhecido "pé de valsa". As roupas foram emprestadas pela extinta TV Tupi, elas faziam parte do guarda-roupa de uma novela de época.

O Jornal de Lavras entrevistou Judy Maceira em 2011, três anos antes de sua morte, na época Judy contou que ela e suas amigas Lúcia Cicarelli Guimarães e Iná Goulart Penido foram até São Paulo buscar as roupas, com a condição de devolvê-las no dia seguinte, pois a emissora precisava das roupas para a vestir as artistas da novela.

No dia 24 de agosto uma multidão foi ate o aeroporto de Lavras para receber o presidente Juscelino Kubitschek. Quando o avião taxiou na pista e a porta abriu, uma multidão foi buscá-lo nas escadarias da aeronave. JK gostava de serenata, em especial quando se cantava o "Peixe vivo", canção folclórica que acabou se convertendo numa espécie de hino com que Juscelino era saudado em toda parte. Foi assim que a multidão o recebeu: entoando o "Peixe Vivo".

Clique AQUI e comente no facebook do Jornal de Lavras

 
 
www.jornaldelavras.com.br
A informação a um click de você
#jornaldelavras @eduardocicarelli @sabrinacicareli

Leia também:

Polícia Militar do Meio Ambiente multa cooperativa na cidade de Bom Sucesso
Ufla anuncia concurso público para professores
Apreensão de cerca de 700 kg de drogas em operação conjunta da PM de Lavras e Campo Belo
Estrutura que serviu a TRW é devolvida ao município de Lavras
Polícia Militar de Lavras prende assaltantes de lanchonete
Senar: cursos gratuitos para os trabalhadores rurais do Sul de Minas - 26/06 a 01/07/2017

.

Voltar Envie para um amigo


 www.jornaldelavras.com.br - A informação a um click de você
WhatsApp: (35) 9 9925-5481
Instagram: @jornaldelavras 
Twitter: twitter.com/jlavras 
Facebook: www.facebook.com/jornaldelavras