Quem somos
|
Arquivo
|
Anuncie
|
Contato
|
Sua página inicial


início
prêmios
lavras tem
agenda
busca


cotidiano / Política /


Publicada em: 11/03/2016 16:02 - Atualizada em: 11/03/2016 19:23
Servidores da Prefeitura de Ijaci entrarão em greve na segunda-feira
Carro de som percorre a cidade avisando da paralisação que começa na segunda-feira

Prefeitura de Ijaci, que terá, a partir de segunda-feira, o atendimento comprometido por causa da paralisação dos servidores (Foto ilustrativa: Jornal de Lavras)

 

.


Dê play e conheça o Toledo Residencial


  Jornal de Lavras:  (35) 9 9925.5481    @jornaldelavras     @jornaldelavras    @jlavras    

Os servidores da Prefeitura Municipal de Ijaci deflagraram uma greve que terá início legal na segunda-feira, dia 14, o movimento foi iniciado pelo Sindicato dos Servidores Municipais de Ijaci (Sindmi), nesta sexta-feira, dia 11. Um carro de som está percorrendo aquela cidade avisando que a partir de segunda-feira as escolas municipais estarão fechadas.

O carro de som percorre bairros e zona rural, avisando para os pais não esperarem as vans e ônibus escolares, porque os motoristas não vão trabalhar e nem as escolas municipais vão abrir.

Os servidores daquele município alegam que o prefeito José Maria Nunes não pagou a reposição salarial nas datas bases e que já somam 11,27%, o que representa o índice pedido. A administração municipal alega que a folha de pagamento já está em 54%, ela ultrapassou o limite prudêncial que é de 48%, portanto, para a prefeitura é inviável reajustar os salários em 11,27%.

O Sindicato dos Servidores por sua vez atribuiu o inchaço da folha ao número elevado de contratados e exige a demissão deles até adequar a folha com o reajuste de lei em 11,27% para todos os funcionários efetivos.

Na prefeitura, a reportagem do Jornal de Lavras conseguiu falar com o secretário Municipal de Obras, Rivelino Adriano Silva, ele disse que o prefeito José Maria Nunes estava em Belo Horizonte para tratar de outros assuntos relacionados ao município, mas disse que a greve era ilegal porque o município não foi oficializado sobre o movimento.

No Sindicato a reportagem conversou com a presidente e líder do movimento grevista, Adriene Alvarenga, ela contestou a declaração do secretário Rivelino, disse que o Chefe do Executivo foi oficializado na quarta-feira, dia 9. Sobre a paralisação ela disse que a educação será o setor cuja paralisação será de 100%, os demais a paralisação será parcial.

 
www.jornaldelavras.com.br
A informação a um click de você 
 

Leia também:

Mais informações sobre o assassinato do estudante da Ufla que estava desaparecido Ladrão arrombou estabelecimentos comerciais em Ijaci e foi preso pela PM em Lavras
   
Acidente em Lavras envolvendo automóvel e caminhão guincho deixa motorista ferido Cemig alerta sobre a importância de manter atualizada a titularidade do contrato de fornecimento de energia
   
Pesquisadores da Ufla desenvolvem tecnologia inovadora envolvendo bioenergia e tratamento de esgoto PM apreende droga em Lavras com ajuda de cães farejadores
   
.

Voltar Envie para um amigo


 www.jornaldelavras.com.br - A informação a um click de você
Lavras/MG
WhatsApp: (35) 9 9925-5481
Instagram: @jornaldelavras 
Twitter: twitter.com/jlavras 
Facebook: www.facebook.com/jornaldelavras