Quem somos
|
Arquivo
|
Anuncie
|
Contato
|
Sua página inicial


início
prêmios
lavras tem
agenda
busca


cotidiano / Comportamento /


Publicada em: 21/12/2015 21:33 - Atualizada em: 22/12/2015 09:19
Cresce o movimento "Somos Todos Vítimas da BR-265", manifestação reuniu autoridades - veja fotos
Movimento Somos Todos Vítimas da BR-265 ganha musculatura com a adesão da Igreja Católica e de autoridades de toda região

Vítima de acidente também participou da manifestação (Fotos: Jornal de Lavras)

 

 

  Jornal de Lavras:  (35) 9 9925.5481    @jornaldelavras     @jornaldelavras    @jlavras    

O movimento em prol da duplicação da rodovia BR-265 ganhou nesta segunda-feira, dia 21, um grande reforço, foi a adesão da Igreja Católica. O movimento pede a duplicação daquela rodovia, que tem sido local de grandes tragédias. Hoje no final da tarde um grande número de pessoas se reuniu no trevo de Itutinga para manifestar, foi uma manifestação pacífica que contou com a presença do bispo Dom Célio de Oliveira Goulart e dos padres das cidades de Itutinga, Nazareno, Ijaci e Dores do Campo, além de autoridades políticas de diversas cidades da região.

O movimento denominado "Somos Todos Vítimas da BR-265" começou em Itutinga por iniciativa do jovem Daniel Geder, que foi uma vítima sobrevivente de um acidente de trânsito. Daniel ganhou o apoio da lavrense Kelly Torres, que também foi uma vítima sobrevivente da BR-265. Os dois foram, aos poucos, conquistando adesões para o movimento.

Eles deram início a uma petição virtual, criaram uma página na rede social Facebook e hoje o movimento extrapolou fronteiras e já ganhou adeptos em todo o Campo das Vertentes e Sul de Minas.

A manifestação realizada hoje surpreendeu até mesmo os organizadores devido ao grande número de pessoas que compareceu ao trevo de Itutinga, uma passeata foi organizada e percorreu cerca de 200 metros entre um trevo e outro. A caminhada entrou em Itutinga, percorreu as ruas e voltou para o ponto de partida, onde foi finalizada.

Na saída, o organizador do evento, Daniel Geder, depois de falar sobre os problemas que s famílias daquela cidade e da região estão vivendo com perdas de parentes e amigos, passou a palavra para o bispo Dom Célio, que falou em nome da Igreja Católica. Dom Célio falou da valorização da vida e confortou os parentes das vítimas que estavam presentes à manifestação, como os pais da jovem estudante do Unilavras Beatriz Augusta Avelina de Souza, de 18 anos, e do taxista João Heitor dos Santos, que morreram carbonizados na sexta-feira, dia 18, próximo à ponte sobre o rio Grande, em Itutinga. Além dos dois, mais duas outras pessoas também perderam a vida neste acidente.

A dor dos pais de Bia, como era conhecida a jovem estudante que morreu no acidente, emocionou os presentes, a mãe chorava durante todo o tempo, ela e o pai da estudante seguravam um cartaz com a foto dos três e escrito: "Saudade Eterna". O sentimento do casal não era diferente dos familiares do taxista João Heitor dos Santos.

Muita gente de Nazareno compareceu à manifestação, entre elas, o prefeito daquela cidade, João Santeiro, o presidente da Câmara Municipal, Edson do Nascimento e o vereador Jovino César Romão. Todos falaram durante a cerimônia na qual foram lembrados os nomes das vítimas da BR-265.

A prefeita de Itutinga, Alba Valério, também falou sobre sua luta e de todos daquela cidade na busca de ajuda para melhorias daquela rodovia. O vereador de Lavras, Marcos Possato, foi que fez o pronunciamento mais inflamado, arrancando aplausos da multidão. Possato disse que é hora de cobrar dos políticos representantes das cidades por onde a rodovia passa.

O vereador Marcos Possato levou e entregou aos organizadores do evento, uma cópia de um ofício que enviou ao deputado lavrense Fábio Cherem, pedindo a ele a realização de uma Audiência Pública que deverá ser realizada no anfiteatro da Universidade Federal de Lavras (Ufla) com a presença de diversos deputados estaduais e federais, além de responsáveis por setores de transportes de Minas Gerais e do Brasil.

Depois da série de pronunciamentos, teve início a caminhada, que teve a cobertura da Polícia Rodoviária Estadual (PRE), que interditou a pista e conduziu os manifestantes com segurança. Hoje pode-se dizer que o movimento "Somos Todos Vítimas da BR-265" deu início a uma nova jornada, ganhou "oxigênio" com a adesão da Igreja Católica e despertou o interesse das autoridades de diversas cidades.

Manifestação duplicação BR-265. Fotos: Jornal de Lavras - 21 fotos


Clique AQUI e comente no facebook do Jornal de Lavras

 
www.jornaldelavras.com.br
A informação a um click de você
#jornaldelavras Eduardo Cicarelli Sabrina Cicareli

Leia também:

Ufla obtém resultados de excelência no Enade Agência da Copasa em Lavras voltou com o atendimento presencial, mas com restrições
   
Inaugurado na Ufla, o LabCovid, que realizará exames de diagnóstico da Covid - veja fotos Ufla, em parceria internacional, realiza pesquisa inédita sobre a reconstrução do clima da Amazônia
   
Vacinação contra sarampo para jovens e adultos em Lavras vai até o dia 30 Bombeiros de MG atenderam a 40 afogamentos nos 12 primeiros dias de outubro
.

Flashes de Notícias

.  

Blog Sabrina Cicareli:

Decoração da minha Kitnet Tudo de Bom no Os Mais Influentes Revista Elitte 2019
   
Tudo de Bom no Destaque Sales Pesquisa Lavras 2019 Série Viajadamente no Chile - Parte 7 - Valle Nevado
   
Série Viajadamente no Chile - Parte 6 - Tour em Santiago Série Viajadamente no Chile - Parte 5 - Tour em Santiago
   
Série Viajadamente no Chile - Parte 4 - Tour em Santiago Série Viajadamente no Chile - Parte 3 - Tour em Santiago
   
Série Viajadamente no Chile - Parte 2 - Tour em Santiago Série Viajadamente no Chile - Parte 1 - Tour por Santiago
   

.

Voltar Envie para um amigo


 www.jornaldelavras.com.br - A informação a um click de você
Lavras/MG
WhatsApp: (35) 9 9925-5481
Instagram: @jornaldelavras 
Twitter: twitter.com/jlavras 
Facebook: www.facebook.com/jornaldelavras